Nem sempre é um mar de rosas.

tumblr_ldpltdXr5W1qddtdxo1_500_large

oi gente, tudo bem com vocês??

-Espero que sim,  eu vou bem também.

Andei  sumida alguns dias postando pouco, mas agora estou de volta.

A dois anos atrás eu não me imaginava esta mulher que sou hoje, não imaginava que saberia como é prazeroso ser mãe, ser adulta e mulher.

Mulher de verdade sabe, aquelas que dão conta da casa, dos filhos, do marido e do trabalho.

Aos poucos estou me descobrindo, me conhecendo como mãe. Estamos em uma fase conturbada, Arthur completa dois anos dia 08/11 ele está se achando o rei da casa, tem que ser tudo como ele quer a hora que ele quer. Nem sempre estou com cabeça para sentar e explicar que no momento não dá para fazer o que ele quer, então quando as manhas e birras estão demais me obrigo a colocá-lo no cantinho para pensar.

É difícil? -É.

Parte meu coração?-Sim.

A vida não é um mar de rosas como lemos por ai, a maternidade é um dos momentos mais desafiadores das nossas vidas. É difícil conseguir fazer o Arthur parar de fazer manha só conversando sem perder a linha só por que a mãe do “Pedrinho” está me observando.

Estes dois anos serviram para me mostrar que se o filho da fulana está se jogando no corredor do mercado, muitas vezes não é culpa dela e sim da criança que está se descobrindo e testando os pais para saber os limites que existem.

Testar seus limites parece ser um dom que eles recebem perto dos dois anos. Arthur sobe na motoca desce a ladeirinha do quintal andando só para bater com a motoca na parede, sobe no sofá para se pendurar na janela e ver o que tem lá fora.

Grita enlouquecido por querer algo, joga o que não gosta no chão. Mas tem seus momentos de beijar-nos loucamente e pedir: Mãe dá abaxu :3

É uma fase difícil, mas nada que um cantinho para pensar, muito amor e paciência não ajude a superar.

Comentários

comentários

Nas categorias: Filhos

Tags: , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado