Hora de desapegar

Alguns dias atrás tirei um tempo para limpar os guarda-roupas, não havia mais lugar para colocar “peças novas”.

Pensei: – Tem tantas roupas que eu gosto de usar, vai ser fácil tirar todas as outras que eu não uso.

Mal sabia o que me esperava.

Eu não tenho muita paciência para tirar tudo do guarda-roupas e colocar de volta peça por peça, mas já estava em um ponto crítico.

Coloquei tudo na cama e fui separando.

Descobri roupas de quando eu tinha uns 14 anos. Não havia necessidade de estarem ali, não me serviam mais, não tinham cor e só estavam ali por que achei que um dia usaria novamente.

Minha vó sempre fala: “se não usou ano passado, desapega… Pois este ano também não vai usar”.

E desta forma tirei vários sacos pretos de roupas dos dois guarda-roupas (um meu e do Ramón e outro do Arthur).

 

Roupas do Arthur:

Quem tem filho sabe, raramente sobram peças de um ano para o outro, fica tudo pequeno.

As roupas dele que não servem mais foram separadas para doar para o brechó da creche e para vender para umas meninas do Facebook (aqui em Sapiranga tem um surto de brechós no Facebook, vou fazer um post com as coisas que já comprei, haha).

Roupas do pai e da mamãe:

Mais da mamãe do que do papai, haha. Algumas roupas serão jogadas fora (sim, não existe chances de doar ou vender algumas peças), outras serão vendidas e algumas ficarão ali por mais alguns meses.

 

Por que desapegar?

Tem muita gente por aí precisando e como tudo está “pela hora da morte”, os brechós têm ganhado muito espaço, e quem não fica feliz em ganhar uma peça de roupa??!

É preciso desapegar, é preciso praticar uma boa ação! Você verá o quão gratificante é receber um sorriso sincero.

 

Ficou até mais fácil manter tudo organizado :D

Este diagrama me ajudou muito, espero que ajude vocês também.

12053240_742588949179559_931065529_n

Comentários

comentários

Nas categorias: Vida a dois

Tags:

2 comentários

Jonara Cordova

Não acredito que tu é de Sapiranga! Que legal, alguém de pertinho. :) Eu moro em Canoas. Sobre arrumar o guarda-roupas, preguiça me define. Sei que tenho várias peças pra doar/vender, mas quem disse que me motivo a tirar tudo do lugar, separar e guardar de novo? É algo que me tomaria um dia inteiro… :/ Pretendo fazer isso nas férias (tomara que elas cheguem logo haha). Essa ideia de brechó eu acho muito legal. To pensando em separar umas roupas e tentar vender no Enjoei. Beijos!

Reply
Angel Schneider

Oiiie, fico tão feliz quando aparece alguém de perto :D
É difícil mesmo tomar coragem hahaha mas depois fica tudo tão organizado é maravilhoso.
Eu te acompanho e adorei muito ver teu comentário aqui <3

Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado